REBAIXO DE TETO, TIPOS DE SANCAS E MOLDURAS

terça-feira, 17 de março de 2015

By: Mayara Camargo

O post de hoje é a pedido da leitora Rachel Macena que está começando a decorar seu apartamento e pediu dicas de teto rebaixado e sancas. Já aproveitei e separei algumas dicas do post para usar aqui em casa, pois ainda não sabemos qual sanca colocar.

Antes de tudo, vale lembrar que geralmente o pé direito dos apartamentos são mais baixos e dependendo da altura não é indicado rebaixar o teto. O ideal é que o pé direito não seja menos que 2,50m porém, existem apartamentos que não chegam a isso e tem casos em que os encanamentos passam em baixo do teto, ficando aparantes e precisando obrigatoriamente fazer o rebaixo. Nesses casos, o pé direito chega a ser 2,30m que já é considerado muito baixo.

# A dica é: Se você tem apartamento com pé direito menor que 2,50m, com tubulações aparentes no teto e quer fazer o rebaixo para encondê-los, faça apenas no ambiente onde estão as tubulações, que geralmente são cozinha e banheiro. Como nas imagens a baixo...

FONTE: Ponto Chique

FONTE: Thoni Litsz Arquitetura
No restante dos outros cômodos, você pode colocar sancas ou molduras.

Teto baixo pode ser sufocante para quem sofre de claustrofobia, no calor aumenta ainda mais a sensação térmica e pessoas altas ficam quase do tamanho do pé direito, imagina.

Agora, se você tem um pé direito que permite o rebaixamento do teto, pode fazer na casa toda que será até melhor na hora da distribuição das luzes. 

#Rebaixo de drywall ou gesso?

O Drywall (gesso acartonado) é mais prático e rápido na hora de montar, aguenta mais peso do que as placas de gesso, não tem perigo de trincar e não amarela, pode ser usado em áreas úmidas como banheiro (nesse caso o drywall tem que ser a chapa verde), se precisar de alguma manutenção ou instalação de pontos elétricos e hidráulicos o drywall é bem mais prático, é mais resistente a mofo e permite isolamento acústico e térmico. Logo se vê que ele é a melhor opção para rebaixar o teto. Pode ser mais caro que o gesso mas compensa pelas suas vantagens.


#Tipos de Sancas:

As sancas, disponíveis em diversos tipos, são ótimas para quem não pode ou não quer rebaixar o teto mas que, ainda assim, quer ter um projeto bacana de iluminação. E vamos ver agora, quais os tipos de sancas:

Sanca Aberta: A sanca aberta é um dos modelos mais utilizados. Possui um vão entre teto e gesso para colocar luz indireta (fita ou mangueira de LED). Pode ter ou não luz direta (spots) e pode também, ter moldura ou não:



Sanca Fechada: A única diferença da sanca fechada para aberta é que não tem o vão entre teto e gesso, sendo assim, não tem luz indireta, só direta. Pode ter ou não, moldura.


Sanca Dupla Aberta: É o mesmo sistema da sanca aberta só que duas vezes ela, ou seja, duas sancas abertas uma de frente a outra. Pode ter ou não moldura.

Sanca Dupla Fechada: Igual a sanca dupla aberta, onde uma sanca fica de frente a outra porém, como é fechada, não tem luz indireta, ficando a iluminação por conta dos spots, aparentemente dentro da sanca.

Sanca Invertida Aberta: Esse tipo de sanca invertida tem a iluminação voltada para fora, em direção a parede, diferente das que vimos que são voltadas para dentro, iluminando o teto. A sanca invertida aberta é composta de luz indireta.


Sanca Invertida Fechada: Igual a sanca invertida aberta, que é voltada para a parede, porém, não possui luz indireta e sim, luz direta através de spots, como se fosse a sanca dupla fechada.


Sanca Rasgo de Luz: É praticamente uma sanca dupla aberta, porém utiliza lâmpada fluorescente embutida e o buraco do gesso é tampado com uma placa de acrílico.

Molduras: A moldura, para quem não quer sanca, é uma ótima opção. Existem de diferentes materiais como gesso e isopor e podem ser instaladas direto na laje rebocada ou no rebaixo de gesso.




Teto rebaixado sem sanca ou moldura: É possível rebaixar o teto e não colocar sanca ou moldura e ainda assim, ter um projeto bem bacana de iluminação:


Ufa, terminei! Depois desse post já tenho um rumo do que fazer aqui em casa. Eu optaria pela sanca invertida com moldura fininha e reta, que eu acho que fica mais moderno ou apenas o teto rebaixado com moldura que pega na parede também. Já para a cozinha e banheiro, teto rebaixado com rasgo de luz, sem dúvidas.

Aliás, essa mistura de diferentes tipos de sancas junto com molduras não é errado, basta tomar o cuidado de não ficar uma coisa confusa e mirabolante.

Bom, eu espero ter ajudado e agora quero saber. Qual vocês preferem?

Beijo

29 comentários:

  1. Amei esse post!!! Meu esposo tem empresa de gesso,e é assim mesmo como você falou. Parabéns!!! :)

    abraços, Regi
    www.modacomclasse.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bacana, então vocês já são experts em sancas rsrsrs. Muito obrigada :D

      bjooo

      Excluir
  2. Querida muito obrigado pelo POST!
    Já estava pensando em uma e seu post só fez eu ter mais certeza dela hehe :D

    Muito muito obrigado pelas dicas e explicações ajudou DEMAAAAAAIS!
    Parabéns pelo post!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Haaa, que bom que gostou, fiquei feliz. Mas me diga, qual você tem certeza agora? rs

      Obrigada!

      bjoo

      Excluir
  3. Oii Mayara, que post mega completo. Arrasou!
    Estava pensando esses dias em fazer um post no blog sobre isso, acho bem importante as pessoas entenderam as diferenças entre sancas, gesso, rasgos e molduras.
    Parabéns, tudo muito bem explicado!
    Beijos
    www.decorarepreciso.com.br/blog

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada <3

      Nossa, antes de fazer esse post eu conhecia só dois tipos de sancas e molduras, aí como eu tava precisando entender do assunto e a leitora pediu esse post, fui pesquisar mais a fundo. Até já dei uma aulinha pro marido kkk.

      Sempre é bom ter vários posts com o mesmo assunto pois a gente aprende de formas diferentes rsrs.

      Beijoo :D

      Excluir
  4. Gostei bastante do post... informações mega uteis...
    Li um artigo sobre teto rebaixado e sempre bom ter informação quando o assunto é deixar o sua casa do jeito que você quer...
    http://www.vivadecora.com.br/vivadecora/revista/arquitetura/a-hora-e-a-vez-do-teto-rebaixado/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nathalia, obrigada :D
      Verdade, quanto mais informações tivermos mais a gente acerta. Dei uma olhadinha no link, bem interessante mesmo e está correto.

      Obrigada pelo comentário. Bjoo

      Excluir
  5. Boa tarde, meu nome é Tatiana e não sei qual desses estilos de teto escolher para minha casa. Tenho um sala comprida que irei colocar a sala e estar e a mesa de jantar pensei em fazer dois ambientes, então dois ambientes com o teto também mas vejo que não dará certo. Alguém a í pode me dá um HELPPPPP

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tatiana. Seria bacana mesmo você fazer dois tipos de rebaixo ou moldura, pois mesmo as salas sendo integradas ficaria muito show você separá-las com detalhe de gesso diferentes. Existem muitas opções, ainda mais se sua sala é comprida como você mencionou, que possibilita várias opções. A minha sala de jantar e estar é mais ou menos comprida e estou pensando em rebaixar todo o teto, porém na parte da sala de jantar quero fazer umas duas sancas duplas fechadas bem na direção da mesa e no mesmo tamanho do comprimento dela. O restante do gesso já optei pela sanca invertida aberta onde a luz fica direcionada para a parede.

      Na sua sala vai depender do tipo de sanca que você gostou. Eu trabalho com projeto de interiores, caso queira um estudo detalhado do seu ambiente me manda um email para contato@topadecorar.com.br para conversarmos melhor :D

      bjoo

      Excluir
  6. Parabéns pelo post , sou profissional nessa área , e gostei muito das decorações ,

    ResponderExcluir
  7. Olá Mayara, sou designer de interiores e estudante de arquitetura, por isso trabalho bastante projetando sancas. O post tá super bem explicado e ilustrado, bela pesquisa que vc fez hein? Parabéns! Ah, agora as sancas abertas com nichos circulares estão voltando com tudo, quem sabe o post show não recebe um update, rsrs. Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Karol. Super válido seu comentário, assim que der vou da update no post sim. Muitíssimo obrigada pela dica :D

      bjoo

      Excluir
  8. Nossa muito legal sua pesquisa super bem explicado,nem sabia que existia tantas opções e diferenças não sei se ajudou ou complicou de vez kllk. Parabéns adooorei

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkk pra mim também tá difícil escolher um modelo agora :D Obrigadaaa

      Excluir
  9. Parabéns pelo Post bem esclarecedor me ajudou muito

    ResponderExcluir
  10. Parabens pelo post. Preciso rebaixar o teto para colocar caixas acusticas na sala de TV. Tenho uma duvida; o teto atual é em lambri. Preciso saber se o rebaixamento em gesso, o gesso trincaria por ficar preso na madeira e a madeira "trabalhar" conforme a época do ano.
    Bjs

    ResponderExcluir
  11. Parabéns pelo post. Adquiri um imóvel usado (casa) e minha sala tem 4mx6m. Não quero rebaixar o teto, mas gostaria de fazer uma iluminação mais moderna. O que você sugere?

    ResponderExcluir
  12. Prezados, poderiam passar detalhes de como é fixado o acrílico para fechar o rasgo? Esse acrílico fica rente ao gesso, ou está alguns milímetros acima do nível do gesso

    ResponderExcluir
  13. Nossa amei seu post, muito obrigada por compartilhar seus conhecimentos e imagens! Me ajudou muitooooooo!

    ResponderExcluir
  14. Oi Mayara, , querendo fazer sanca no meu apartamento, as salas de estar e jantar são integradas, porém o pé direito é baixo e não dá para rebaixar o teto, ficaria feio eu fazer uma sanca aberta ao redor dos dois ambientes e colocar fita led ao redor delas?

    ResponderExcluir
  15. Estou estudando e aprendendo!! A forma que você explicou ficou bem claro e tirou as dúvidas que eu tinha. Muito obrigada por dividir seus conhecimentos. ;)

    ResponderExcluir
  16. Muito obrigada pelos seus esclarecimentos. Ajudou muito mesmo pois estava aqui arrancando os cabelos para saber qual seria o melhor para meu projeto. Kkk. ;)

    ResponderExcluir
  17. Olá tudo bem? Amei todas as dicas mas como minha casa o pé direito é muito baixo e minha vontade era fazer o forro tabicado pensei em não fazer nda. Você acha que fica feio uma casa sem gesso, sem moldura sem sanca?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Dyana. Não acho feio casa sem nada de gesso, acho até melhor do que deixar o pé direito baixo. Eu faria exatamente isso, deixar sem nada rs

      :D

      Excluir